Flexibilização das regras tarifárias para remarcação e reembolso

Nossos canais de comunicação:

- Central de Atendimento: pelo telefone (16) 4000.1777 no horário das 08h as 21h (segundas as sextas feiras) e 10h as 16h (sábados e domingos) ou reservas@voepass.com.br .

- Se você comprou seu bilhete por uma agência de viagens ou afins, entre em contato diretamente pelo seu canal de compras, para a finalização da sua solicitação.

Flexibilização das regras para os voos com data de embarque de 19/03/2020 até 31/12/2021:

Para voos cancelados ou por desistência do passageiro:

Manter crédito

Você poderá manter o crédito integral de seu bilhete, para futura utilização. O valor ficará disponível por 18 meses, a partir da data de solicitação, e poderá ser utilizado para emissão de passagens de terceiros.

Você poderá alterar a origem / destino do seu voo, sem multa de reemissão, estando sujeito apenas a diferença tarifária.

***Atenção: O crédito integral da passagem só ficará disponível para futura utilização desde que o status do bilhete não esteja como “No-Show”. Haverá incidência de todas as taxas aplicáveis, de acordo com o Perfil Tarifário emitido, para os bilhetes com este status (no-show).

Reembolso

Em voo cancelado: Reembolso será integral, sem aplicação de taxas. O valor poderá ser estornado em até 12 (doze) meses, contado da data do voo cancelado, observadas a atualização monetária calculada com base no INPC.

Por desistência do passageiro: Reembolso será de acordo com o Perfil Tarifário emitido. O valor poderá ser estornado em até 12 (doze) meses, contado da data do voo cancelado, observadas a atualização monetária calculada com base no INPC.

***Atenção: Para qualquer alteração, seja remarcação, seja reembolso, a solicitação deverá ser realizada dentro da validade do bilhete aéreo, sendo contado a partir da data de emissão.

A VOEPASS LINHAS AÉREAS anuncia o retorno de suas operações a partir de 3 de julho, e tem acompanhado de perto o cenário causado pela pandemia do COVID-19 no Brasil e no mundo.

Atendendo às recomendações da ANAC, ANVISA e das autoridades mundiais de saúde, as operações da VOEPASS cumprirão medidas especiais de limpeza e sanitização das aeronaves, incluindo cabine dos pilotos, poltronas, banheiros, saídas de ar condicionado, botões de acionamento de luzes e de reclinar das poltronas, corrimão de escadas, maçanetas e outros, utilizando nessa desinfecção álcool em gel e desinfetantes de padrão hospitalar para a ação.

O tempo de solo das aeronaves entre os voos programados foi estendido em todas as operações, para permitir que as equipes de solo possam realizar os procedimentos de desinfecção antes do início de cada nova etapa de voo. Além disso, as aeronaves utilizarão seu sistema de renovação de ar, que realiza troca de 100% de todo o volume de ar da cabine da aeronave entre 5 e 7 minutos, sendo o ar constantemente renovado durante os voos.

Nas manutenções de pernoite, procedimentos de limpeza profunda serão realizados de forma complementar, para garantir de maneira efetiva que os voos serão realizados dentro dos melhores protocolos de biossegurança, garantindo aos passageiros e funcionários a realização das operações aéreas com total segurança.

Além das medidas de limpeza e desinfecção, a tripulação e todos os colaboradores envolvidos usarão equipamentos de proteção individual. Os passageiros também serão obrigados a utilizar máscaras de proteção desde a chegada ao aeroporto até durante os voos.

Álcool em gel será disponibilizado no balcão de check-in, salas de embarque e dentro das aeronaves. O serviço de bordo estará temporariamente suspenso durante os voos. Um novo exemplar da revista de bordo será entregue individualmente a cada passageiro, que ficará a cargo de levá-lo consigo após o voo.

A obrigatoriedade de utilização de máscaras também foi implementada para todos os funcionários em terra e para aqueles que trabalham no escritório, visando a proteção de todos os colaboradores da empresa, independente da área.